10 dicas para motivar seus funcionários e melhorar o desempenho da sua equipe

Equipe BDMGEquipe BDMG - 7 de Agosto de 2019.

A importância da motivação dos funcionários no ambiente de trabalho

A motivação é algo inerente ao ser humano, afinal de contas, para realizar qualquer mínima ação em nosso dia a dia, precisamos de algo que nos mova a executar tal ação. De modo geral, a dinâmica é simples: se sentimos fome, somos motivados a comer, por exemplo.

No entanto, quando se trata de questões mais abstratas — como é o caso da motivação de funcionários no trabalho —, que vão além das nossas necessidades fisiológicas, encontrar esses fatores motivadores é algo mais desafiador.

Colaboradores desmotivados tendem a procrastinar suas obrigações e executar suas tarefas com menos atenção, ficando mais propícios a cometer erros. A desmotivação também afeta o seu comprometimento e sua satisfação geral com a empresa.

Ou seja: a motivação tem relação direta com a produtividade. Por essa razão, manter a motivação de toda a equipe é importante não apenas para cada membro do time, mas também para a saúde do negócio como um todo.

Além disso, se você cuida da contratação de pessoas por conta própria, é importante ter em mente que o foco não é simplesmente preencher funções, mas atrair e selecionar pessoas talentosas, alinhadas com os valores da sua empresa e que estejam motivadas e dispostas a aprender para construírem juntos um caminho de sucesso.

E… para alcançar tudo isso, é necessário que você saiba como manter sua equipe motivada para garantir o crescimento do seu negócio!

Dicas para manter sua equipe motivada

Veja 10 dicas para manter sua equipe motivada:

1. Trate todos igualmente:

Os gestores que fazem tratamentos diferenciados entre os membros da equipe, têm grandes chances de construir um ambiente desequilibrado e pouco colaborativo.

Afinal, essa preferência mostra que o líder vai privilegiar uns em decorrência de outros. Algo suficiente para que qualquer profissional questione a sua relevância na equipe.

gestão-de-pessoas

2. Reconheça o valor:

Você empreendedor deve se empenhar em reconhecer as menores e as grandes conquistas da empresa, bem como os responsáveis por elas.

A criatividade nas gratificações é muito bem-vinda. Não precisa ser necessariamente um considerável aumento salarial e, tampouco, um simples e discreto aperto de mão nos corredores da empresa.

Reconheça, mostre o quanto os profissionais são merecedores e deixe claro o quanto eles também podem ser agraciados com essas conquistas!

3. Pense em um pacote de benefícios diferenciado:

Os benefícios fazem parte da rotina do seu quadro de funcionários e pode ter um papel determinante em facilitar o dia a dia deles.

O salário nem sempre é o fator mais importante para reter talentos e manter sua equipe motivada. Quando o ambiente de trabalho é bom e há uma perspectiva de crescimento, muitas pessoas estarão dispostas a trabalhar por uma remuneração um pouco menor — desde que esteja compatível com o mercado e a função.

As empresas que compreendem o perfil dos seus profissionais podem, ainda, moldar um pacote flexível de benefícios, onde o próprio colaborador consegue escolher de que forma usá-lo. Assim, seus colaboradores podem se empenhar mais, pois sabem que a empresa está demonstrando esforço por eles e contribuindo para sua qualidade de vida.

4. Estabeleça metas:

Essa é uma alternativa simples para impulsionar a motivação no trabalho. Por meio de metas atingíveis, os colaboradores sentem que estão crescendo em conjunto com a empresa.

Metas são oportunidades para integrar a equipe, espantar as crises e promover a união de todos para buscarem resultados ainda mais promissores para a empresa.

5. Promova capacitações e treinamentos:

O aprendizado nunca está concluído para um profissional. Aqueles que deixam de buscar conhecimento ficam estagnados, correndo sério risco de serem substituídos.

Por isso cabe à empresa, também, esse papel de qualificar cada vez mais o seu quadro de colaboradores com algumas das alternativas a seguir:

  • treinamentos;
  • workshops;
  • participação em eventos do setor;
  • palestras.

Eventos de integração também ajudam a compor um grupo unido e focado em resultados — tudo isso em decorrência de um bom ambiente de trabalho.

Capacitação é fundamental, pois os talentos são movidos pela possibilidade de crescer. Se o colaborador apresenta deficiências, treine e depois avalie os resultados.

6. Use mais feedbacks:

Por meio do feedback constante, você pode conversar e explicar exatamente o que espera de seus profissionais e o quanto eles estão próximos disso.

Os colaboradores motivados vão se empenhar em trabalhar seus pontos de melhoria, enquanto aqueles com a desmotivação maior vão deixar bem claro o desinteresse na atividade.

Com isso, você e os líderes de cada departamento podem trabalhar em conjunto para avaliar as melhores medidas a serem tomadas em cada situação.

Monitore como cada colaborador realiza suas atividades. A gestão de desempenho permite definir e negociar metas, acompanhar, avaliar, dar feedback e formular planos de melhoria.

7. Delegue as atividades com qualidade:

A identificação é um forte elemento de interação. E funciona não apenas com pessoas, mas com as atividades também. Um líder que sabe como delegar tem mais chances de promover a motivação no trabalho.

Do contrário, os colaboradores vão se ver presos a responsabilidades das quais eles não têm o mínimo interesse em realizar ou se manter. E isso é prejudicial para todos.

Para complementar sua leitura, confira esse vídeo do SEBRAE MINAS com algumas dicas sobre como motivar seus funcionários e reter talentos:

8. Crie um relacionamento:

Líderes que se relacionam com os seus colaboradores, aprendem mais sobre eles, identificam suas qualidades e pontos de melhoria, e usam isso em favor de todos.

O gestor não precisa ser o melhor amigo de cada funcionário, mas ele deve compreendê-los a ponto de mostrar-se presente para ajudá-los sempre que possível.

Afinal de contas, a confiança gera comprometimento, que gera mais motivação no trabalho.

9. Promova um ambiente de trabalho agradável:

Pense assim: o ambiente de trabalho costuma ser o local onde as pessoas passam a maior parte dos seus dias. Não é preferível, portanto, construir um local produtivo e estimulante em vez de um lugar onde ninguém gostaria de estar?

Conheça a sua equipe, faça com que eles entendam e se identifiquem com a cultura organizacional da empresa e crie um lugar estimulante. Todos saem ganhando com isso!

10. Realize atividades externas:

Por fim, uma dica até complementar à última: saiam do ambiente de trabalho.

Integrem-se e promovam confraternizações!

Lembre-se que uma empresa estimulante valoriza os seus colaboradores. E essas pequenas situações — por menores que sejam — são fundamentais na realização desse processo.

Após colocar em prática essas dicas, você estará preparado e poderá decidir com consciência qual a melhor estratégia para motivar seus funcionários e aprimorar a performance da sua equipe.

 

No BDMG Orienta, você encontra conteúdos exclusivos que ajudam no crescimento do seu negócio. Por isso, assine nossa newsletter preenchendo o formulário abaixo e conte com a gente se precisar de um apoio financeiro.

Nova call to action

Assine a Newsletter.

Posts relacionados

Comentários